Cavalos: saiba mais sobre esses animais incríveis

Os cavalo são animais de porte médio e fazem parte do grupo dos equinos, o mesmo do asno, da zebra, do burro e do pônei. O cavalo é um animal vertebrado e convive com o homem há muito tempo e é um dos animais mais utilizados pelos humanos. A domesticação da espécie se deu a cerca de 5.500 anos a. C.

Cavalos: saiba mais sobre esses animais incríveis

Cavalos: saiba mais sobre esses animais incríveis – Características

Com seu peso podendo variar entre 350 a 500 kg, com altura de 1,85 m, em relação ao solo até o topo da cabeça e medindo 2,25 m de comprimento, fora a cauda.

Com exceção dos lugares extremamente frios, como a Antártida, os cavalos são encontrados em todos os demais lugares do mundo.

São animais que vivem de 25 a 40 anos e são muito velozes, chegando a velocidade máxima de 60 km/h, como a raça puro sangue inglês, por exemplo.

O corpo do cavalo (equus caballus) é coberto de pelos curtos e lisos, e de colorações diversas. O animal tem uma cabeça alongada, com olhos bem separados e narinas abertas. Outra característica do cavalo é as orelhas pontudas e que se movimentam em direção ao som.

Os cavalos se alimentam de capim e ervas (animais herbívoros). Eles podem passar até 16 horas se alimentando durante o dia, portanto, são animais que comem bastante.

Além de sal mineral, extremamente importante para os cavalos, eles também podem ser alimentados com vários tipos de rações, de acordo com a finalidade do animal. Contudo, também pode fazer uso de milho na alimentação.

Todavia, os cavalos possuem uma boa comunicação entre si, quando vivem em grupos, sendo que a postura corporal dos animais, pode indicar ações para fuga ou luta.

Portanto, é possível identificar se um cavalo está como medo, acuado ou agressivo, observando as expressões corporais do animal.

Cavalos: saiba mais sobre esses animais incríveis

Cavalos: saiba mais sobre esses animais incríveis – Reprodução

A fêmea do cavalo é chamada de égua. Ela permite o contato com o macho quando está no cio. O período do cio dura até 12 dias.

Portanto, durante esse período, a fêmea fica receptiva ao macho e ocorrem muitas transformações em seus órgãos genitais.

Quando a égua quer atrair o macho, ela urina e expõe a sua vulva. No momento em que os dois se aproximam, ocorre a monta e, consequentemente, a cópula.

A gestação de uma égua dura 11 meses e, geralmente, nasce apenas um potro (filhote), que já consegue ficar de pé duas horas após o parto. Portanto, não demora muito e o potrinho já começa a arriscar os primeiros passos.

Então, vamos conhecer algumas raças de cavalos?!

Calcula-se que existem, no mundo, mais de 100 raças de cavalos. No entanto, biologicamente, não existem raças com classificação taxonômica.

O termo raça, foi criado para agrupar os indivíduos com características físicas comuns e, que, portanto, pode-se fazer o cruzamento entre elas. Nesse sentido, os descendentes levam as características da raça.

Mas, vale lembrar que ainda existem algumas raças de cavalos selvagens nos continentes Asiático e Europeu.

Esses animais vivem livres na natureza.

Mangalarga marchador

É uma raça brasileira. Ele é resultado do cruzamento entre espécies da Península Ibérica, que foram trazidas para o Brasil no tempo da colonização.

Mangalarga ou mangalarga paulista

O Mangalarga paulista é um cavalo de cela. Ele é resultado do cruzamento das raças Alter e Andaluz, o animal é ideal para a prática de esportes, bem como para os trabalhos de carga.

Puro sangue inglês

Muito apreciado como cavalo de corrida, por ser umas das raças mais velozes, o puro sangue inglês também é reconhecidamente um animal valente.

Árabe

Também conhecido como puro sangue árabe, o cavalo árabe é muito indicado para a prática de esportes hípicos. Com olhos expressivos, pescoço longo e um focinho curto, acredita-se que a raça seja uma das mais antigas do mundo.

Por fim, vamos conhecer um pouco do Quarto de milha

Originário da América do Norte, o cavalo Quarto de milha, foi adaptado para trabalhos com o gado, por ser uma raça dócil e muito fácil de domar. No entanto, ele é capaz de percorrer grandes distâncias em pouco tempo.

Atenciosamente,

Equipe De Bem com a Vida

Veja também:

Saiba mais sobre o mundo das formigas

Aranha caranguejeira: saiba mais sobre espécies, habitat…

cobra coral verdadeira e a falsa coral: Curiosidades e diferenças

Escorpiões: fique por dentro das principais curiosidades desse aracnídeo